Como Usar o Marketing  e Aumentar Suas Vendas

Marketing de rede social é uma ótima ferramenta quando se trata de construir uma marca.

Mas ganhar dinheiro com isso, impulsionando vendas, é difícil.

Na verdade, muitos profissionais de marketing têm dificuldade em ter retorno sobre o investimento (ROI) com as redes sociais.

Provavelmente, porque redes sociais são vistas muitas vezes somente como uma forma de construir sua marca e de se envolver com os clientes.

Ou, como uma maneira de resolver os problemas dos clientes com um serviço ao cliente personalizado.

Ou, como um lugar para compartilhar vídeos de gatinhos e bebês.

Porém, a rede social é, na verdade, uma ótima ferramenta para gerar vendas também.

Não é tão direta e reta como plataformas como Google AdWords ou Facebook Ads.

Embora essas plataformas estejam diretamente vinculadas ao ROI e gerando vendas, as redes sociais não.

O principal objetivo das redes sociais nem sempre é tido como geração de vendas.

Mas deveria ser, e pode ser. E é por isso que, qualquer coisa que você faça para expandir seu negócio, deve ser focado no objetivo final de produzir receita.

E, felizmente, há algumas dicas que peguei ao longo da minha carreira, que me permitiu gerar muitas vendas.

Elas não foram tão difíceis de implementar!

A rede social é uma plataforma sensacional para gerar vendas quando você já definiu os objetivos.

Na verdade, eu gerei US$ 332.640 em vendas só com o Instagram.

Aqui eu mostro como usei marketing de rede social para gerar US$ 632,481 em vendas em um ano.

Crie uma comunidade fechada

O primeiro passo na geração de vendas de marketing de redes sociais, é a construção de uma comunidade próxima de seguidores engajados.

Envolver-se com os usuários nas redes sociais deve ser visto como uma coisa positiva.

Uma forma de gerar confiança e construir relacionamentos pessoais com sua base de usuários.

Por exemplo, dê uma olhada como eu interajo com meus fãs no Facebook:

pasted image 0 1655

Não estou apenas compartilhando conteúdo valioso. Também estou diretamente me conectando com as pessoas que comentam.

É uma excelente maneira de criar seguidores engajados que gostam de se comunicar com você.

E só custa alguns segundos para responder.

Pense nisso como você faria se sua marca ou ator preferido te respondesse:

Você iria gostar ainda mais deles, certo?

Você ficaria impressionado que eles tiraram um tempo para te responder, e você provavelmente revisitaria a página deles na rede social depois disso.

É esse o objetivo real.

Grandes empresas como Dairy Queen são perfeitas nessa abordagem de engajamento de clientes:

pasted image 0 1665

Levaram apenas uns segundos para responder, e agora estabeleceram uma conexão leal com um cliente que provavelmente terá um maior lifetime value.

Além de apenas responder, considere compartilhar conteúdos gerados por usuários.

Esta é uma das minhas estratégias favoritas para criar uma comunidade que adora interagir com você.

Adoro como Slack faz isso com seus clientes:

pasted image 0 1667

Eles compartilham conteúdos incríveis que os usuários no Instagram os enviam todo dia.

Por quê? Porque conteúdos gerados por usuários (UGC) funcionam.

85% dos usuários acham que UGC influencia mais que fotos postadas pelas marcas.

Além disso, UGC consegue 29% mais conversões online do que campanhas ou sites sem UGC.

Se você quiser mais engajamento social interativo, seguidores, e vendas, você precisa usar UGC para criar uma comunidade mais engajada.

Desenvolva relacionamentos com influenciadores

Se você estiver começando uma rede social com menos de 1.000 seguidores, pode ser difícil gerar vendas.

Você precisa construir um público que é grande o bastante para alavancar as vendas.

Umas das melhores maneiras para fazer isso é se conectar com influenciadores nas redes sociais.

Promoções cruzadas são extremamente efetivas quando se trata de aumentar o número de seguidores.

E isso faz sentido:

Quando você recebe uma mensagem ou menção de uma marca relevante, você pode certamente esperar toneladas de tráfegos também.

Deixa eu te dar um exemplo.

Você já ouviu falar sobre a famosa estrela do Youtube Zoella?

pasted image 0 1653

Bem, ela tem mais de 11 milhões de inscritos agora.

E quando ela lançou seu livro Girl Online, ela usou as conexões das redes sociais para vender 78.109 cópias.

Isso é mais que a J.K. Rowling conseguiu na estreia do primeiro livro do Harry Potter “Harry Potter e a Pedra Filosofal”.

Ainda não se convenceu?

Ela basicamente usou influenciadores das redes sociais e suas conexões para espalhar informações sobre o produto dela de forma viral.

E aqui as boas notícias:

Não é algo que somente as grandes marcas podem fazer. Você apenas precisa começar a criar um relacionamento real e orgânico com os maiores influenciadores do seu nicho.

Marketing de influenciadores não é simplesmente um marketing de buzzword.

As estatísticas falam por si só:

Um estudo do Google de 2016 descobriu que 60% dos inscritos no YouTube e pessoas que assistem dizem que tomariam decisões de compra baseadas em recomendações de seus criadores de conteúdo favoritos.

pasted image 0 1668

E não é segredo que as pessoas confiam em reviews online e recomendações mais do que qualquer propaganda.

Na verdade, de acordo com a Experticity, 92% dos clientes confiam em recomendações de conexões pessoais.

E somente 33% confiam em anúncios.

Conectar com influenciadores autênticos e poderosos pode bombar seu crescimento.

Então, como você faz isso? Minha maneira favorita é ser sincero. Seja autêntico e forneça valor.

Se você entrar em contato com o HubSpot e disser “Vocês são incríveis, podem promover meu e-book novo?”, você pode ser bloqueado instantaneamente.

Por quê? Eles recebem milhares dessas mensagens diariamente.

Marketing de influenciador tem a ver com a construção de conexões com pessoas em seu nicho ou indústria e ter trocas mútuas de suporte e promoção.

Acesse o Twitter (ou qualquer rede social que preferir) e comece a procurar por pessoas populares em seu nicho:

pasted image 0 1648

Você pode usar buscas simples como “marketing de influenciadores” para obter centenas de resultados de pessoas populares na indústria do marketing.

Ou, vá até o Google e pesquise por algo como “maiores influenciadores de marketing”.

pasted image 0 1658

Você deve conseguir encontrar listas selecionadas dos maiores influenciadores.

Simplesmente clique em algum desses para que você veja uma lista completa dessas pessoas, sem fazer esforço.

Como esta lista da Forbes:

pasted image 0 1671

Opa, quem é aquele cara maneiro na 2o posição?

A ideia aqui é encontrar dezenas de pessoas que são especialistas e líderes do seu nicho.

Então, você pode ver mais sobre eles nas redes sociais e tentar alcançá-los para começar a construir um relacionamento real.

Mas, por favor lembre-se: isso leva tempo. Isso não é uma campanha de email fria onde você dispara uma mensagem genérica para 50.000 pessoas e espera que 100 delas convertam.

Isso tem a ver com fornecer valor mútuo e ser sincero.

Comece interagindo com os conteúdos deles nas redes sociais. Comente em seus posts do blog.

Responda aos emails deles ou cadastre-se na lista deles.

Mostre que você está realmente interessado no conteúdo deles, ao invés de apenas fazer um marketing por promoção gratuita. Eles (eu me incluo) recebem centenas de emails para promoção todo dia.

Faça concursos para gerar engajamento

Outra maneira incrível para gerar vendas com marketing de redes sociais é fazendo concursos.

É simples: pessoas adoram ganhar coisas.

Concursos são uma ótima forma de gerar tráfego para seu site e redes sociais.

Por exemplo, veja este concurso no Instagram que fiz:

pasted image 0 1649

Eu dei muitos produtos e fiz com que centenas e mais centenas de pessoas acessassem meu site e perfis em redes sociais, resultando em mais de US$ 300.000 em vendas.

Fonte: Neil Patel

O Wall Street Journal o chama de influenciador top na web. A Forbes diz que ele está entre os 10 melhores profissionais de marketing no mundo. A Entrepreneur Magazine diz que ele criou uma das 100 empresas mais brilhantes. Ele foi reconhecido como um dos 100 melhores empresários com menos de 30 anos pelo Presidente Obama e um dos 100 melhores abaixo dos 35 anos pelas Nações Unidas.

https://neilpatel.com/br/blog/


Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Shares
%d blogueiros gostam disto: